“Os Montanhistas” – Subida do Morro do Canal – EDIT

Daes galera!

Finalmente um post turístico, depois de um longo e tenebroso inverno! Desta vez a galera se reuniu para subir o morro da Vó Sovelina do Canal, em Piraquara, seguido de um churrasco em um condomínio da cidade.

Não vou perder tempo explicando onde é nem repassando dados técnicos sobre o morro, isso você pode conferir nesses dois links que deixo abaixo. Vou me ater basicamente aos fatos de nossa “aventura” e passar algumas dicas que poderão te ajudar se você resolver se arriscar a ir lá um dia. Alguns nomes serão omitidos para preservar a masculinidade identidade dos participantes.

Finestrino

Clube dos Aventureiros

O encontro da galera na casa do Thiago foi às 08:30 graças ao atraso de um dos participantes. Na real foi até bom, porque aquele dia estava meio nublado, e o ideal mesmo teria sido subir ainda mais tarde.

Morro do Canal - Placa1

Início do morro 1

Morro do Canal - Placa2

Início do morro 2

A subida começou às 09:15, com o Magoo descendo o cacete puxando a galera na maior velocidade possível (até porque na volta já estava agendado um churrasco com muito chopp), o que fez com que um dos participantes arregasse antes da metade da subida.

JP morrendo

João Pedro exibindo sinais de cansaço

Com o ritmo já mais ameno, o povo continuou até o final, após uma quase arregada por parte de mais dois participantes.

Galera 1

Em pé: Everton, Thiago, Kako e Magoo. Agachado: eu

Galera

Da esquerda para a direita: Vitor, Everton, Kako,
João Pedro, Magoo e eu

OBS: Essas fotos não são do topo, as melhores ainda não foram recebidas pela equipe do Boxixo por causa do Kako.

Na volta, às 12:45, três participantes chegaram antes à lanchonete e aguardaram o restante da turma lá embaixo. O tempo total para os primeiros foi de 2 horas e meia (ida e volta).

Retorno

Magoo, EVerton e eu chagamos antes do resto

Dicas práticas sobre o passeio:

– Use calçados leves, mas não use os de solado liso em hipótese alguma. A região é bem úmida e fica bem liso em alguns pontos;

– De preferência, leve uma mochila contendo água e uma toalha de rosto, pois você vai suar muito. Não exagere na bagagem para não carregar peso à toa;

– Passe protetor solar e repelente, dependendo do horário, pois se o tempo estiver aberto faz muito calor e o sol é de matar (no nosso caso nem precisou porque o dia estava bem nublado e relativamente frio);

– Se preferir, use uma daquelas luvas de academia, pois os trechos com correntes vão precisar de certa força nos braços e nas mãos;

– Deixe carteiras e outros acessórios desse tipo lá embaixo no carro, se for possível: lá em cima você não vai precisar disso. Mas obviamente, leve câmeras e celulares para registrar os momentos de tensão e perigo. NOTA: o sinal 3G na subida é quase inexistente, mas eventualmente pega;

– A lanchonete na base do morro é interessante, pois o atendimento é bem razoável, os preços são aceitáveis, os salgados são bem generosos e tem uma boa variedade de bebidas. NOTA: para deixar o carro lá embaixo é cobrada uma taxa de 10,00 por carro (preço do dia);

– Devido aos trechos de escalada com grampos e correntes, o passeio não é muito recomendado a pessoas com problemas cardíacos, pressão alta, fraqueza nas pernas, medo de altura e outros problemas de saúde correlatos, apesar de alguns sites na internet (especialmente os especializados em escaladas) dizerem que a subida é fácil. Acredite, nossa turma, na média, teve uma dificuldade razoável para chegar lá em cima, e no outro dia tinha muita gente reclamando de dor nas pernas e em outras partes do corpo, mas isso porque quase todos são gordos e sedentários despreparados para esse tipo de atividade.

Grampos

Grampos na subida

Correntes

Há correntes para auxiliar a escalada

Depois da empreitada, fomos à parte que realmente interessava: o churrasco e o chopp, que foi perto de Piraquara e contou com quase todos que subiram (exceto um integrante que teve que vazar por motivos pessoais).

Shorras

Churrasco de xixo no capricho

Chopp

Um shorras sempre vai bem com um Dolão chopp IPA

Abaixo segue um vídeo feito pelo João Pedro durante a subida dele e também um timelapse do shorras.

Parabéns aos envolvidos! 🙂

Anúncios
Esse post foi publicado em Fervos Los Palhêra, Turismo e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s