(Partido) político é tudo farinha do mesmo saco


Acho que boa parte da população concorda com o velho ditado: político é tudo farinha do mesmo saco. Mas digo mais: partidos políticos são tudo farinha do mesmo saco. Não existe ideologia política. Não existe um objetivo coletivo que guie os membros. O que existe é corporativismo e interesses pessoais, e o povo só é lembrado quando eles precisam, ou seja, em época de eleição. Basta ver a quantidade absurda de obras em Curitiba neste ano: tivemos vários binários implantados (alguns dos quais se fala a décadas), diversas ruas mega movimentadas completamente reformadas (vide Fredolin Wolf, Toaldo Túlio e Des. Westphalen), sem falar no tal “anel viário”, nas últimas obras na Batel e nas imediações da Fac. Tuiuti próxima ao parque Barigui e na reforma da praça Carlos Gomes prometida para ainda este ano (reivindicação datada de 1995), tudo isso nos últimos 12 meses. Mas isso todo mundo já sabe, porque não é de hoje que acontece.

O que me motivou mais a fazer esse post foi uma matéria que saiu no blog Caixa Zero, da Gazeta, intitulada O PSD vai rachado simplesmente porque não é um partido. Segue o trecho que achei mais relevante e que é a prova do que falei no primeiro parágrafo:

(…)
O processo que levou à decisão do PSD na eleição municipal de Curitiba reflete a maneira mal ajambrada como a legenda foi construída, não só no Paraná como em todo o Brasil(…)
Falaram em apoiar Ratinho Júnior, Gustavo Fruet e até em lançar candidatura própria. Ora, alguém que cogita apoiar todos os candidatos possíveis é porque não sabe o que quer da vida. Exatamente o caso de um partido sem ideologia, criado a fórceps para dar legenda a descontentes com seu ninho de origem.
(…)

O pior é que essas frases não definem apenas o PSD. Talvez porque especificamente este “partido” (se não tem ideologia não é partido, é uma mistura de políticos “perdidos”) abriu as portas para cada um apoiar quem quiser, o que fez o que já era bagunçado ficar mais bagunçado ainda. Mas a essência da coisa toda é a seguinte: partido não tem mais ideologia porque os partidos são formados por pessoas (políticos), que conforme o parágrafo anterior só pensam em si mesmos, em apoiar quem estiver mais “por cima da carne seca” de forma a se beneficiarem com isso. Basta ver o PT de 1989 e o de hoje, que está muito mais parecido com o PSDB do FHC na época do Plano Real. São tudo farinha do mesmo saco, sim!

É por isso que esse ano estou absolutamente convencido a fazer mais que votar nulo: no dia da eleição vou pegar meu carro, andar uns 10Km em direção a qualquer cidade da região metropolitana, justificar a ausência em alguma zona eleitoral (nome bem apropriado para a situação política brasileira) e almoçar em algum restaurante colonial ou ir pescar em algum pesque-e-pague por aí. Votar nulo não adianta nada, então não vou mais votar. Me recuso a perder meu tempo em uma fila para jogar fora meu voto de qualquer forma. E conforme a imagem ao lado mostra, é o povo quem sustenta os políticos, então quem sabe em mais algumas gerações o povo acorde para esta realidade e comece a tomar algumas atitudes mais efetivas contra essa corja que tem nos governado.

Para finalizar, recomendo fortemente a todos a leitura da letra da música Zona Eleitoral do Paulinho Mixaria, ela relata com todas as letras tudo aquilo que eu penso da política brasileira (e se virou música é porque a opinião não é só minha). Segue o trecho mais interessante:

E não adianta esses metido a importante me chamá de ignorante porque eu falo em não votá,
porque eu não creio que o que eu faço seja feio, pois não vejo nesse meio um que eu possa confiá.
E a pessoa quando qué vira à toa do serviço ela se enjoa e pra podê vagabundiá,
perde o respeito depois tenta ser eleito, e qualquer cargo tá perfeito pra vivê sem trabaiá

Anúncios
Esse post foi publicado em Tira o Tubo! e marcado , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para (Partido) político é tudo farinha do mesmo saco

  1. Olá bom Dia! Recentemente abri um canal no YouTube e farei um vídeo sobre o número excessivo de partidos políticos… Eu gostaria muito de usar essa imagem, você pode liberá-la ?

  2. Pingback: #Rede sucumbe e Marina executa “plano C” | Blog do Boxixo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s